BANCOS SOLIDÁRIOS: memórias

Este projeto surgiu de uma necessidade apontada pelos alunos do Colégio Carmelo, quando em pesquisa indicaram a necessidade de terem mais locais para sentar no intervalo. Foram construídos cerca de 15 bancos. Depois passamos a fazer para outras pessoas e instituições. Mais tarde criamos o “banco caixote” tendo dupla função, em período de campanhas de arrecadação solidárias serve como depósito, no restante do tempo, como banco para sentar.

Depois que foi solicitado para retirarmos os bancos do referido colégio, reformamos os mesmos e colocamos para doação na internet… em menos de 20 minutos doamos todos, sendo que receberam 2 colégios Estaduais que os alunos ainda lancham em pé, logo os bancos passaram a servir estes alunos, e mais duas unidades da Pastoral da Criança, as quais também não possuíam local para as pessoas sentarem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *